Expointer 2023: Primeiros leilões da temporada de Angus mostram um mercado confiante

Expointer 2023: Primeiros leilões da temporada de Angus mostram um mercado confiante

Filho de pai e mãe campeões pela Cabanha Floripana, de Urubici (SC), em parceria com a Cabanha 3 Marias, da Argentina, o touro Floripana Germano TEI514 Don Emílio consagrou-se como um dos touros mais bem comercializados da temporada de leilões da raça Angus este ano até o momento. O touro foi valorizado na sua totalidade em R$ 1 milhão de reais, no leilão que aconteceu no último dia 1 de agosto, em que foi adquirida uma cota de 50%, a R$ 500 mil reais para Rodrigo Guimarães de Ponte Serrada (SC).

Contratado pela Renascer Biotecnologia, o touro chamou a atenção da central por ser filho de Don Emílio, que ganhou destaque na Expo Rural em Palermo, na Argentina, como grande campeão da raça Angus. “A consistência genética dele chamou muito a atenção da Renascer. Com um fenótipo muito funcional, ele apresenta a masculinidade característica da raça, comprimento de costela, musculosidade e excelente estrutura de carcaça. Ele vai chegar na central com 16 mil doses já pré-contratadas. Este ano ele vai para a Expointer, com um histórico na família de ser filho de um pai bicampeão e neto do touro Federal bi-grande-campeão de Palermo”, comemora o proprietário da Cabanha Floripana, e dono de Don Germano, Orestes Melo Júnior.

No leilão de fêmeas, a Cabanha Floripana vendeu também 50% da Floripana Georgia TEI485, filha de Don Emílio, e a mãe Três Marias A542 Guanabara. A fêmea com características musculosas, femininas, produtiva, e um excelente arqueamento de costela foi adquirida pela Cabanha de Angus Villa Fertilita de Blumenau (SC), do associado da Angus Robson Espíndola pelo valor de R$500 mil reais. Os dois exemplares, macho e fêmea vem para a Expointer 2023.

Números expressivos nos leilões da raça

A primeira temporada de leilões da Angus teve números positivos e um sentimento de otimismo na comercialização dos animais. Em junho, no dia 11, a Cabanha Reconquista idealizou o Leilão Produção Reconquista, com um resultado excelente, totalizando R$ 682 mil com a venda de 36 touros, sendo 25 Angus com média de R$ 12.720,00, 17 novilhas Angus média de R$ 9.953,00 e sete terneiras com uma média de R$ 8.200,00.

No início do mês de julho, dia 7, o “4º Leilão Seleção Fêmeas Angus Rio da Paz” do pecuarista, e sócio da Angus, Renato Zancanaro, obteve uma receita total de R$ 1,6 milhão em 33 ventres PO, todos genotipados, com avaliações de ultrassonografia de carcaça, gerando DEPs para estas características e índices destacados no Programa de Melhoramento de Bovinos de Carne (Promebo). As fêmeas tiveram uma média de R$ 49.332, e a exemplar com maior preço foi comprada pelo criador, Fábio Ruivo, da Cabanha Recalada. 

O sócio da Angus, Nelson Antônio Serpa, titular da Fazenda Renascença, em Vargem (SC), promoveu nos dias 11, 12 e 13 de julho a edição virtual do “Leilão Angus na Origem”. As negociações envolveram 33 touros Angus PO da safra 2021 com exame andrológico, registro definitivo e avaliações de ultrassonografia de carcaça ao preço médio de R$ 24.072. Ainda foram negociados oito Ultrablack por R$ 20.212, em média. Na totalidade do remate foram 60 lotes de alta genética, gerando uma receita de R$1.4 milhões de reais.

No final de julho, dia 29, Cabanha Angus da Limeira, de Pinhão, no Paraná, dos produtores rurais, Ricardo Fernandes, que gerencia a propriedade ao lado da esposa Gisele Remlinger Fernandes, também realizou o seu leilão com médias muito boas. Os machos PO tiveram uma média de R$38.126,58, já as fêmeas PO R$34.406,25, e os embriões uma média de R$3.337,50. O touro com maior valor comercializado foi vendido por R$192 mil reais, contratado pela Alta Genetics.

E ainda dia 5 de agosto, a Cabanha Angus Rio da Paz, do produtor Renato Zancanaro comemorou mais de R$ 1 milhão em volume no leilão híbrido – virtual e presencial – de touros, em Cascavel (PR). Tendo uma média de R$27.339,47 os touros da Angus da Rio da Paz são todos genotipados e participantes do Promebo. O lote de número 1, com o touro Herzom Raindance da Rio da Paz foi o lote mais valorizado no leilão, totalizando R$168 mil reais, contratado também pela Alta Genetics.

Zancanaro avalia que os bons resultados são frutos de diversas estratégias, mas que conhecer muito bem seu plantel é essencial. “Saber utilizar as ferramentas que temos a nossa disposição para conhecer o nosso plantel é uma premissa que temos aqui na Cabanha. Outro ponto é saber as características dos animais e termos critérios fortes para escolha e seleção, isso faz com que a gente saiba exatamente quais animais levar em pista, e qual estratégia devemos utilizar na comercialização”.

E a pista ficou limpa no 2º Leilão Soldera Portas Abertas, realizado em Panambi (RS) nesta sexta-feira (11/08). Com trânsito sanitário liberado na Região Sul, a propriedade gaúcha comercializou todos os animais Angus. Os irmãos Soldera atingiram médias de R$ 15.017,04 para ventres PO, R$ 7.810,00 para fêmeas CA, R$ 19.983,33 para machos PO e R$ 16.500,00 para os reprodutores CA. “Estamos muito felizes com o resultado que tivemos no leilão, tivemos uma pista limpa e números muito positivos”, comemora o produtor rural Didi Soldera.

“É uma temporada muito consistente, até o momento, e estamos muito orgulhosos dos nossos sócios e parceiros nessa jornada de produzir a raça Angus aqui no Brasil. Mostra que estamos em um momento muito positivo, e conseguindo trazer o máximo de resultados e exaltar as características da raça no seu melhoramento através dos resultados dos leilões com a pista sempre limpa”, finaliza a presidente.


https://www.expointer.rs.gov.br/inicial