agro-inovador-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-ecossistema-startups-hub-aldo-rosa-ceo-palestrante-cna-senar-agronegocio-fenasoja-santa-rosa-9
rede-rs-cidade-2024-brasil-inovador-rio-grande-sul-aldo-rosa-ceo-reconstrucao-doacoes-resgate-acolhimento-abrigo-municipio-enchente-randoncorp-daniel-instituto-elisabetha-randon
agro-inovador-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-ecossistema-startups-hub-aldo-rosa-ceo-palestrante-plataforma-cna-senar-agronegocio-expointer-confirmada-governo-rs-2

Expointer 2023: BRDE alcança R$ 518 milhões em novos negócios na feira

Expointer 2023: BRDE alcança R$ 518 milhões em novos negócios na feira

Com destaque para projetos que levam mais inovação ao campo e de ampliação da capacidade de armazenagem, o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) está fechando sua participação na 46ª edição da Expointer, em Esteio, atingindo uma nova marca histórica. Entre operações e novos pedidos de financiamento voltados ao agronegócio gaúcho durante a feira, o BRDE registrou o montante de R$ 518 milhões em negócios.

O volume de contratações fechadas e de operações encaminhadas nos nove dias de feira deste ano superou em 14,3% o total de pedidos apresentados na edição de 2022 (R$ 453 milhões). Do total das negociações deste ano, o valor mais expressivo está relacionado com projetos que envolvem novas tecnologias na produção do campo e agroindústrias. Os novos negócios para o setor de inovação chegaram a R$ 243 milhões e representaram quase a metade do resultado final, reafirmando a liderança do banco como o maior repassador nacional de recursos da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep).

“Ultrapassar a marca de meio bilhão de reais é significativo e demonstra o quanto o banco está empenhando em superar os grandes desafios do agronegócio. Mais do que fortalecer o setor, estamos produzindo impactos positivos em toda uma cadeia que é mola propulsora do nosso desenvolvimento econômico”, afirmou o vice-presidente e diretor de Operações do BRDE, Ranolfo Vieira Júnior. Na medida em que parte dos novos projetos são para ampliar e modernizar as unidades de produção e armazenagem, acrescentou Ranolfo, os investimentos se refletirão em maior produtividade e ganhos aos produtores.

Cooperativismo

Os negócios envolvendo novas estruturas de armazenagem e beneficiamento de grãos somaram R$ 195 milhões na 46ª Expointer. Os financiamentos realizados ao longa da semana para projetos de armazenagem de três cooperativas do Rio Grande do Sul responderam por R$ 145 milhões. Foram anunciadas novas operações com as cooperativas Cotripal (R$ 50 milhões), Água Santa (R$ 45 milhões) e Cotrijal (R$ 50 milhões). Também durante a feira foi celebrado o financiamento de R$ 50 milhões com a Agrodanieli Indústria e Comércio Ltda, empresa cerealista com sede em Tapejara, recurso que será destinado a uma nova estrutura para recebimento de grãos.

Energia limpa

Com uma atuação cada vez mais focada em projetos de geração de energia com fontes renováveis, o BRDE celebrou financiamento de R$ 5,8 milhões para a instalação de uma usina solar em uma propriedade rural no município de Santa Rosa. O projeto da empresa Lida Energia prevê a produção inicial de 1,5 megawatt-hora (MWh), e a energia gerada será comercializada para clientes com baixo consumo e sem condições de instalar placas próprias, incluindo áreas urbanas. Ao todo, o segmento de energias renováveis respondeu por R$ 65,3 milhões negociados pelo banco durante a feira.

Para o diretor de Planejamento, Leonardo Busatto, o incentivo à geração de energias renováveis e aos ganhos na eficiência energética será ampliado pelo banco. “Este é o futuro que queremos para a atuação do BRDE. Apoiar projetos com energias limpas nos aproxima cada vez mais de uma diretriz em favor da sustentabilidade”, destacou Busatto. A participação cada vez maior de recursos captados junto às instituições financeiras internacionais, conforme o diretor, é fundamental para consolidar a parceria do BRDE em iniciativas alinhadas aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Outro desafio importante enfrentado pelo agronegócio gaúcho diz respeito aos efeitos dos períodos de estiagem, com reflexos nas últimas safras. Por meio de linhas de crédito específicas para aquisição de sistemas de irrigação, o BRDE vem apoiando produtores rurais na estruturação de projetos que representam garantia de uma melhor produtividade na lavoura. Durante a Expointer deste ano, o banco celebrou um contrato de R$ 2,5 milhões com o produtor João Carlos Vendrusculo. O financiamento é para aquisição de duas novas estruturas para irrigação, tipo pivô central, ampliando a área irrigada na produção de soja no município de Tupanciretã. 

BRDE – 46ª Expointer
Contratações e novos pedidos de financiamento

  • Inovação – R$ 243 milhões (46,9%)
  • Armazenagem – R$ 195 milhões (37,6%)
  • Energia renovável – R$ 65,3 milhões (12,6%)
  • Agricultura de Baixo Carbono (ABC)/Renovagro – R$ 12 milhões (2,3%)
  • Outros – R$ 2,7 milhões (0,5%)
  • TOTAL – R$ 518 milhões 

Saneamento

Ainda durante a Expointer 2023, o BRDE assinou contrato com a prefeitura de de Caxias do Sul para construir três novos reservatórios na cidade, ampliando em 50% a capacidade atual para reter as águas em dias de chuva intensa. O investimento total é de R$ 25 milhões e inclui a elaboração de um plano diretor na área de saneamento do município, sendo R$ 23,750 milhões financiados pelo banco. Como não está relacionada aos financiamentos em favor do agronegócio, essa operação não integra o total de R$ 518 milhões.

Além de patrocinador histórico da Expointer e atuar com sua equipe de atendimento na Casa do BRDE, o banco esteve presente na Feira de Máquinas e Equipamentos, uma iniciativa do Sindicato das Indústrias de Máquinas e Implementos Agrícolas no Rio Grande do Sul (Simers) e na arena do RS Innovation Agro, promovido pela Federação Brasileira das Associações de Criadores de Animais de Raça (Febrac), com o apoio do governo do Estado.


https://www.expointer.rs.gov.br