Expointer 2023: Agricultura Familiar se destaca e atinge números históricos na feira

Expointer 2023: Agricultura Familiar se destaca e atinge números históricos na feira

Os números do Pavilhão da Agricultura Familiar (PAF) da 46ª Expointer bateram todos os recordes em relação às edições anteriores. O valor comercializado pelo PAF ao longo do evento chegou a R$ 8.673.429,12, superando a edição de 2022, considerada, até então, a maior da história. Esse é o maior volume de vendas das 25 vezes que o pavilhão fez parte da feira.

O PAF também registrou a presença recorde no número de expositores, com 372 empreendimentos, 35 a mais que a edição anterior, quando 337 estiveram presentes. Foram 174 municípios de diversas regiões do Estado, distribuídos em 338 estandes e sete cozinhas. Outro dado que chamou atenção foi o número de empreendimentos liderados por jovens e mulheres. Em 2023, os jovens ficaram à frente de 87 empreendimentos e as mulheres de 148.

Durante a apresentação dos resultados, o titular da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), Ronaldo Santini, destacou a presença das mulheres à frente dos empreendimentos da agricultura familiar. “Estamos contentes com a altivez e o protagonismo das mulheres. Foram 148 agroindústrias de empreendedoras que estiveram aqui mostrando a importância do setor primário como um dos principais pilares a sustentar o Estado”, afirmou.

Na ocasião, também celebrou a participação dos jovens nos postos de liderança e falou sobre sucessão rural. “Da mesma forma, quero celebrar a quantidade de jovens que, atualmente, fazem o caminho inverso de outras gerações e permanecem no meio rural, tocando as agroindústrias da família, extraindo toda a capacidade da propriedade e ingressando em novos espaços de comercialização”.

Além de ser um dos espaços mais visitados da Expointer, o PAF se destaca também por ser democrático. Todas as classes sociais se encontram pelos corredores e os produtos contemplam todos os tipos de bolsos. Não bastasse isso, atrás de cada estande tem uma história de vida, de superação e de sucesso que os próprios produtores rurais compartilham com o público enquanto apresentam seus produtos.

Os expositores fazem parte do Programa Estadual de Agroindústria Familiar (Peaf), coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Rural e operacionalizado pela Associação Riograndense de Empreendimentos de Assistência Técnica e Extensão Rural e pela Associação Sulina de Crédito e Assistência Rural (Emater/RS-Ascar) em 472 municípios, o que corresponde a 95% do território estadual. O espaço também contou com produtores ligados ao artesanato e a flores e plantas. Além disso, 26 agroindústrias trabalharam com produtos orgânicos e outros quatro estandes com artesanato indígena das etnias Mbyá-Guarani, Kaingang e Xokleng.

O PAF é organizado por uma comissão composta pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário, SDR, Emater/RS-Ascar, Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Rio Grande do Sul (Fetag), Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar (Fetraf) e Via Campesina.


https://www.expointer.rs.gov.br