AGRISHOW
rede-brasil-inovador-2024-inovacao-esg-ia-innovation-trends-brazil-cni-cna-cnc-hub-startups-web-summit-rio-janeiro-rj-melanie-nakagawa-microsoft-itau-aldo-rosa-1
agro-inovador-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-ecossistema-startups-hub-cna-senar-agronegocio-agrotech-startse-sp-2

Expodireto Cotrijal: programação internacional destaca a agricultura sustentável

Expodireto Cotrijal: programação internacional destaca a agricultura sustentável

Expodireto Cotrijal: programação internacional destaca a agricultura sustentável e celebra a imigração alemã

O cônsul-geral da Alemanha no Brasil, Marc Bogdahn, foi recebido com carinho por gaúchos descendentes de alemães

O Pavilhão Internacional foi palco de quatro palestras no primeiro dia da feira

A Expodireto Cotrijal, feira de agronegócio sediada em Não-Me-Toque (RS), abriu suas portas para as delegações internacionais, marcando o início de uma programação que visa aproximar o Brasil do debate global sobre a importância da agricultura sustentável e o papel do país na segurança alimentar mundial. Nesta segunda-feira (4) a exposição também celebra o bicentenário da imigração alemã, ressaltando os laços culturais profundos entre ambas as nações e como isso contribuiu para o desenvolvimento do país latino-americano.

“São 200 anos de relações que se fortalecem e se intensificam seja no campo político, econômico ou cultural. Aqui no Rio Grande do Sul, sempre me impressiona o número de pessoas que falam alemão, que tem um vínculo com a cultura alemã, e isso depois de cinco, seis ou sete gerações de imigração. E ao mesmo tempo, a gente olha também para o presente e para o futuro, porque são inúmeras as oportunidades entre nossos países. Nosso último grande encontro foi a reunião dos dois governos em Berlim, no dia 4 de dezembro de 2023, onde foram assinados muitos acordos bilaterais na área econômica, agrícola, ambiental, para fortalecer ainda mais essas relações”, celebra Marc Bogdahn, cônsul-geral da Alemanha no Brasil.

A parceria entre os dois países esteve em destaque, especialmente considerando o cenário de negociações para o acordo entre a União Europeia e o Mercosul, que permeia discussões econômicas e ambientais relacionadas ao agronegócio.

“A Alemanha é a favor da assinatura deste acordo, desde o início. As negociações continuam, sabemos que não são simples, mas esperamos e estamos otimistas de que esse acordo, no final das contas, vai vir à luz. E com isso esperamos a fortificação das relações tão boas entre o Brasil e a Alemanha, uma vez que o Brasil é o único parceiro estratégico da Alemanha na América Latina”, afirma Bogdahn.

O pavilhão também realizou outras palestras no primeiro dia, com questões cruciais para o setor, como o reflorestamento e a recuperação de áreas degradadas por meio do bambu, apresentado como fonte de geração de renda para o produtor rural. Além disso, foram discutidos o uso de extratos vegetais e as oportunidades relacionadas aos coagulantes orgânicos, destacando sua viabilidade ambiental, econômica e social.

O evento também trouxe à tona o futuro da pulverização agrícola e as principais tecnologias usadas em outras países para controle de pragas e doenças com mais precisão. Ao longo da semana, o Pavilhão Internacional visa promover o intercâmbio de conhecimentos e experiências entre os participantes nacionais e internacionais, fortalecendo as relações e impulsionando as oportunidades de negócio entre os países.