agro-inovador-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-ecossistema-startups-hub-cna-senar-agronegocio-agrotech-startse-sp-2
agro-inovador-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-ecossistema-startups-hub-aldo-rosa-ceo-palestrante-cna-senar-agronegocio-fenasoja-santa-rosa-9
rede-rs-cidade-2024-brasil-inovador-rio-grande-sul-aldo-rosa-ceo-reconstrucao-doacoes-resgate-acolhimento-abrigo-municipio-enchente-randoncorp-daniel-instituto-elisabetha-randon
agro-inovador-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-ecossistema-startups-hub-aldo-rosa-ceo-palestrante-cna-senar-agronegocio-gaff-agribusiness-festival-xp-sp
agro-inovador-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-ecossistema-startups-hub-aldo-rosa-ceo-palestrante-plataforma-cna-senar-agronegocio-expointer-confirmada-governo-rs-2

Cooperativas de R$ 100 bilhões. Veja quais são e onde estão

Cooperativas de R$ 100 bilhões. Veja quais são e onde estão

As 10 maiores cooperativas de produção agropecuária do país têm faturamento global de R$ 157 bilhões. Dessas, seis têm base no Paraná com receita bruta de R$ 101,1 bilhões, o equivalente a 64% do valor total do top 10. O ranking, organizado pela Forbes, tem como base o resultado de 2023.

Entre as cooperativas paranaenses presentes na lista das dez maiores, destaque para Coamo (Campo Mourão), R$ 28,1 bilhões; C.Vale (Palotina), R$ 22,7 bilhões; e Lar (Medianeira), R$ 22,1 bilhões. Juntas, as três somam quase R$ 73 bilhões. Também são elas que lideram o podium nacional. As outras do Paraná são Cocamar (Maringá), R$ 11,1 bilhões; Copacol (Cafelândia), R$ 8,80 bilhões; e Integrada (Londrina), R$ 8,31 bilhões.

Em um recorte da Região Sul, que considera as cooperativas Aurora, R$ 22 bilhões e Cooperalfa, R$ 8,84 bilhões ambas de Santa Catarina, a participação salta para quase R$ 132 bilhões, o que representa expressivos 84% do faturamento total do ranking.

No caso do Paraná, em 2024 a expectativa do Sistema Ocepar é romper a casa dos R$ 200 bilhões. Em 2023, o faturamento de todas as cooperativas paranaenses foi de R$ 186 bilhões.

Confira o ranking:
  • 1) COAMO (PR) – R$ 28,1 bilhões
  • 2) C.VALE (PR) – R$ 22,7 bilhões
  • 3) LAR (PR) – R$ 22,1 bilhões
  • 4) AURORA (SC) – R$ 22 bilhões
  • 5) COMIGO (GO) – R$ 15,7 bilhões
  • 6) COCAMAR (PR) – R$ 11,1 bilhões
  • 7) COOPERCITRUS (SP) – R$ 9,47 bilhões
  • 8) COOPERALFA (SC) – R$ 8,84 bilhões
  • 9) COPACOL (PR) – R$ 8,80 bilhões
  • 10) INTEGRADA (PR) – R$ 8,31 bilhões

https://www.canalrural.com.br